Bom dia traders e investidores!

Hoje, investidores do mundo inteiro aguardam a leitura de inflação norte-americana, a qual pode oferecer mais pistas sobre a trajetória de aperto monetário do Federal Reserve. Um dado mais forte poderá desencadear uma nova rodada de valorização do dólar e, por consequência, desvalorização das demais moedas emergentes. Isso porque uma inflação ainda pressionada nos EUA justificaria mais aumentos de juros por parte do Fed, o que tenderia a atrair recursos para o mercado de renda fixa norte-americano, aumentando a demanda por dólares.

Por outro lado, se o indicador vier fraco, mercado mantém a interpretação de que há um processo de desinflação em cursos nos EUA e o Fed teria espaço para moderar o aperto monetário. Isso favoreceria ativos arriscados como ações, commodities e moedas de países exportadores de produtos primários, como o real.

No calendário para hoje, na Europa temos PIB e variação de emprego. Nos EUA, o CPI (Índice de Preços ao Consumidor) de janeiro e discursos de Harker e Williams do Fomc.

Boas operações a todos!!

Luis Fontes

Luis Fontes is a successful entrepreneur, qualified investor, and FXGlobe Ambassador. Based in Camaçari, Brazil, his trading expertise is in bold but calculated risk-taking.